Circuito dos Bandeirantes

Home > Visitantes > Onde Ir e o que Fazer > Destinos e Roteiros

Este circuito é composto por nove municípios: Araçariguama, Cabreuva, Itu, Pirapora do Bom Jesus, Porto Feliz, Salto, Santana de Parnaíba, São Roque e Tietê. Seis deles pertencem à macrorregião turística (MRT) Sudoeste Paulista¹, região turística (RT) Itupararanga; Dois deles, Pirapora do Bom Jesus e Santana de Parnaíba pertencem à Região Metropolitana de São Paulo, RT Grande Oeste de São Paulo e Cabreuva pertence à MRT Estradas e Bandeiras², RT Bem Viver.

(Parque das Monções - Porto Feliz/SP) - Foto: Renato Oliveira(Parque das Monções - Porto Feliz/SP) - Foto: Renato Oliveira

Atrações dos municípios

Araçariguama - Cachoeira do rio Acima, rio Tietê, Morro do Mombaça, Morro do Voturuna, Morro da Aparecidinha, Parque da Mina do Ouro, Igreja Matriz e Festa do Peão do Boiadeiro.

Cabreuva - Serra do Japi e festa italiana.   

Itu - Do cafezal ao cafezinho - mostra todas as etapas de produção do café. Inclui café da manhã, almoço e trilhas na Fazenda Santo Antônio da Bela Vista; Fazenda do Chocolate - inclui visita a uma casa de taipa do século XIX, hoje sede do Museu do Caipira e da fábrica de chocolate; cavalgadas - no Centro Hípico Modelo, inclusive nas noites de lua cheia, terminando com churrasco; Igrejas - o centro histórico possui seis belas igrejas; Turismo do exagero - Orelhão de Itu, semáforo gigante, lojas de souvenires, etc.

Pirapora do Bom Jesus - Rio Tietê, Represa Ponunduva, Morro do Capuava e Serra do Ivoturuna, Igreja Matriz do Bom Jesus, Seminário e Festa de Agosto.

Porto Feliz - Parque das Monções/Encenação das Monções, Igreja Matriz, Museu Histórico e Pedagógico das Monções e Engenho Central.

Salto - Parques de Lavras e Rocha Moutonnée, museu da cidade, cachoeira, Memorial do rio Tietê e festa de Montserrat.

Santana de Parnaíba - Museu Casa de Anhanguera - Residência bandeirista urbana construída na segunda metade do século XVII, em taipa de pilão e taipa de mão, na qual, presume-se, residiu o bandeirante Bartolomeu Bueno da Silva - O Anhanguera. Foi transformado no "Museu Histórico e Pedagógico Casa do Anhanguera"; Centro Histórico - mais de 200 imóveis tombados pelo CONDEPHAAT desde 1982, ostentando o maior e mais conservado conjunto arquitetônico do Estado de São Paulo; e a Casa de Cultura - exemplar típico das construções paulistas.

São Roque - Sítio Santo Antônio - o local pertenceu a Fernão Paes de Barros, Barão de Piratininga e ao escritor modernista Mário de Andrade, que adquiriu e doou os imóveis ao Serviço de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, em 1947. Ao fazer a doação, exigiu ser o zelador do patrimônio enquanto estivesse vivo. Sua intenção era tornar a Casa Grande um local de repouso para os artistas brasileiros. Morro do Cruzeiro - Elevação rochosa próxima ao centro, visitado por peregrinos e turistas. No pico do Morro há uma cruz e a imagem de São Roque, o santo padroeiro do município. Mata da Câmara e Expo São Roque Alcachofras e Vinhos.

Tietê - Pedra do Curuçá, Centro Cultural e Ecológico, Museu Histórico e Pedagógico, Casarões e Casa da Cultura (Fuzilo); Festa de São Benedito.

(Parque Ecológico) - Foto: Renato Oliveira(Parque Ecológico) - Foto: Renato Oliveira

Hospedagem

São Roque oferece um hotel muito confortável, dois confortáveis, um de médio conforto e três de categoria simples.

¹ Corresponde à Região Administrativa de Sorocaba.
² Corresponde à Região Administrativa de Campinas.